2 min read

Querida Isabel Augusto

Há três anos, em Dezembro de 2018, estava a agradecer-lhe, por escrito e na qualidade de porta-voz do movimento cívico “Pelo Joãozinho!”, todo o apoio recebido da empresa de comunicação que dirige, a GreenMedia, na divulgação dos objectivos daquele movimento e na divulgação do próprio balanço da iniciativa.

Como se recorda, o movimento “Pelo Joãozinho!” pretendia mostrar, como demonstrou, que havia uma forte vontade colectiva, na população, no sentido de ultrapassar o impasse na construção da nova Ala Pediátrica do Hospital de São João (HSJ), num quadro de investimento público no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e num processo transparente, aberto, sereno e competente. 

Em pouco mais de um mês, o movimento ad hoc “Pelo Joãozinho!” – que teve como personalidades referenciais o senhor arquitecto Álvaro Siza Vieira, a senhora professora Maria de Sousa e o senhor professor Manuel Sobrinho Simões – recolheu mais de 27 mil assinaturas a apoiar a construção da nova Ala Pediátrica do HSJ, no já referido quadro de investimento público no SNS.

Mas esta manifestação cívica não alcançaria os objectivos inicialmente traçados se não tivesse encontrado o eco na comunicação social que encontrou. Um indispensável sucesso mediático que ficou também a dever-se à GreenMedia e à Isabel Augusto no apoio, pro bono, que deram ao “Pelo Joãozinho!”.

Nesta linha de memórias boas por causas justas, recordo que a iniciativa de “Pelo Joãozinho!” ancorou-se na publicação, em 2012, do livro “O Lobo Mau no Hospital” – um livro, totalmente doado para a Ala Pediátrica do São João, escrito por Augusto Baptista, ilustrado por J. L. Darocha, composto por João Bicker e editado pela Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto. 

A manifestação cultural que foi a publicação do livro propiciou a manifestação cívica “Pelo Joãozinho!” que mobilizou, na comunidade, personalidades e cidadãos menos conhecidos, numa reflexão livre e tranquila, própria de uma Democracia adulta. E, neste encontro, a Isabel teve um papel que merece ser recordado.

Será, pois, com enorme satisfação que respondo ao seu convite para testemunhar hoje, na Ala Pediátrica do São João, a inauguração de duas salas apoiadas por clientes da GreenMedia. Sei que a sua sensibilidade acrescenta sempre a estas causas e sei que a Isabel Augusto e a sua GreenMedia são exemplares no apoio, nem sempre fácil, que prestam aos jornalistas.

Por tudo isto, querida Isabel Augusto, até fui fazer teste à covid-19 para poder entrar, hoje, no Hospital de São João e na nova Ala Pediátrica.

Obrigado pelo convite e até já.

Júlio Roldão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *